Sala do paciente

Dicas

Guias para o Paciente

Depoimentos

Paulo Munhoz

25/05/2016

Tudo começou com uma infeção e febres, e a pedido do urologista fiz uma biopsia que diagnosticou um tumor de próstata. Considerei o câncer como qualquer outra doença que deve ser tratada – é lógico que cada caso é diferente do outro, e depende como o corpo vai reagir. Mas a maior dificuldade foi encontrar o caminho para o tratamento, e diante da situação pensei: Depois do “tapa” que levei, vou lutar e resolver o problema. Fiz um tratamento de hormonioterapia, com duração de um ano e meio, e com o nível da dosagem de PSA voltar ao normal , fui orientado a fazer radioterapia, com objetivo de evitar recidiva - eliminando assim, qualquer chance de metástase .Durante o tratamento não tive medo que alguma coisa desse errado, pois estava no caminho certo, apesar do incomodo que senti . Fui paciente – O tempo resolve tudo, e não devemos precipitar. A indicação do médico foi a Rede D’or por conta do aparelho Novalis CD Classic – um equipamento de radioterapia guiado por imagem (IGRT). Tive medo de lesionar outras regiões do corpo , e não só o tumor. Estou tendo um atendimento excelente, pois o Centro de Oncologia D’or está equipado com aparelhos de última geração, e conta com uma equipe bem estruturada de médicos , atendentes e técnicos. Por isso, não podemos dizer: “Estou com uma doença que mata, pois com a evolução da medicina temos a esperança de vencer”.

Carlos Alberto Silva Rios

25/05/2016

Algumas vezes, as coisas não acontecem exatamente da forma como a gente planeja ou sonha. No decorrer da nossa vida, vamos acumulando um monte de desejos e projetos. Esforçamos-nos para alcançar cada objetivo planejado. Uns são facilmente atingidos. Outros requerem um pouco mais de sacrifício e dedicação. Podem levar até uma vida inteira para serem conquistados. E não há nada de errado em ter sonhos e projetos. Ao contrário, eles são de grande importância e até essenciais para a vida de qualquer pessoa. Uma pessoa sem sonhos, sem objetivos, planos ou projetos, pode se tornar um ser vazio, opaco… triste. Contudo, até que ponto esses planos e sonhos podem ser benéficos para nossa vida? Quantos dias, meses e anos de uma vida serão renunciados para conquistar esses objetivos? Quantos amores deixarão de ser vividos? Quantos amigos e familiares ficarão abandonados na estrada da vida? Será que vale a pena abrir mão de tantas coisas para talvez viver algo num futuro distante, que como já sabemos só a Deus pertence? E o agora? O presente? Parecem fáceis essas respostas, mas não são. Afinal, quais são as suas prioridades? O que realmente é importante pra viver, para se sentir realizado, feliz? Será que são estes os sonhos de Deus sonhou para você? Pois é, as vezes as coisas não acontecem da forma como planejamos. Eu sei que isso já fora dito anteriormente, mas é preciso repetir. Em alguns casos a vida apenas toma um rumo diferente, mas para algumas pessoas o destino reserva algo muito mais surpreendente. E foi exatamente isso que aconteceu comigo numa consulta médica para avaliação de alguns exames. _ “Você está com um tumor e precisa fazer uma cirurgia urgente!” Foram essas as primeiras palavras dirigidas a mim por minha médica de outro hospital após alguns segundos verificando meus exames. Não houve carinho e também nenhum tipo de preparação antes de me lançar essa sentença. Para mim, essas palavras soaram como uma sentença do tipo: Sua vida acaba aqui, agora! Para a médica, acostumada com estes tipos de diagnósticos era algo comum, mas para mim eram palavras duras demais para se ouvir. Meu mundo desmoronou. Meus pés perderam o chão. E não havia nada naquele momento que me consolasse ou me fizesse parar de chorar. Não existiam mais sonhos, projetos… Nada! Vi minha história e meus planos escorrerem como areias pelos dedos. Pensei na minha família e em todas as pessoas que eu amo. Pensei na minha mãe… E para dificultar um pouco mais as coisas, eu acabara de perder o meu plano de saúde que eu pagava há anos, por conta de uma fraude na renovação do plano. Enfim, me senti completamente perdido. Entretanto, posso afirmar com toda sinceridade do meu coração. Nada acontece por acaso. Em tudo há um propósito de Deus, mesmo quando tudo parece perdido. Deus age na dificuldade. Na escassez de recursos. Vi nascer dentro de mim uma força que jamais imaginei que tivesse. Uma vontade de viver, de lutar pela minha vida que me impulsionou a seguir em frente e de cabeça erguida. Fraquejei e até caí algumas vezes, mas levantei de todas as quedas mais e mais forte. Em alguns momentos meu rosto resplandecia sorrindo como se tudo estivesse muito bem, mas por dentro, meu coração estava despedaçado. Em nenhum momento, perdi minha fé. Deus nunca me abandonou. E eu só pedia: Jesus me cura! Senhor me cura! Entretanto, nossa natureza humana é muito frágil e insegura e dessa forma, tentamos tomar nosso próprio rumo. Porém, Deus sabe muito bem para onde quer nos levar. E apesar de nossa teimosia, Ele vai nos direcionando ao caminho certo. E foi assim comigo. Procurei diversos médicos. Consultas caras. Tomei antibióticos fortíssimos durante meses, sem obter nenhum resultado. Fiz exames de grandes riscos e altos custos. Alguns totalmente desnecessários. Chegaram a me cobrar até 500 mil reais pela cirurgia, mas Deus já tinha outro plano pra mim. E talvez por isso mesmo Ele tenha permitido que eu perdesse o meu plano médico, pois no sonho de d’Ele eu seria operado no Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer e posteriormente finalizaria com a radioterapia no Hospital Quinta D’or, sendo estes, dois dos melhores hospitais do Brasil. E tudo isso, sem gastar nenhum centavo. Hoje posso afirmar com toda fé do meu coração: Estou curado! E digo mais, estou ainda melhor do que antes, pois cresci na minha fé e me abasteci de forças e coragem para lutar pela vida e pelos meus sonhos. E agora mais do que nunca, sem medo e sem deixar de dar valor as pequenas grandiosas coisas que são tão importantes na nossa vida e algumas vezes, pela correria do dia a dia passam despercebidos. Agradecimentos Quero agradecer primeiramente a Deus pela perfeição da sua obra. Por tudo que Ele fez e faz todos os dias, por mim e por todos nós. Agradeço a toda minha família e amigos que me ajudaram a superar essa barreira e também a alguns amigos que foram anjos enviados por Deus, pois por meio de suas indicações pude chegar ao local certo para fazer minha cirurgia. Não poderia deixar de lembrar dos amados funcionários do Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer. Agradeço a toda equipe pela sua exemplar cordialidade, simpatia, carinho, dedicação e competência, que são características comuns a todos os funcionários: as recepcionistas, equipe da limpeza, os médicos, os técnicos de enfermagem, enfermeiros, ouvidoria, atendentes, etc. Agradeço também ao Hospital Quinta D’or, que através do encaminhamento do Instituto do Cérebro, pude dar continuidade ao processo de cura com o tratamento da Radioterapia. Parabenizo a toda equipe que igualmente ao Instituto do Cérebro, foram todos de extrema competência, educação, generosidade, carinho, amor, respeito, etc. Muito obrigado a todos! Vocês são anjos que Deus enviou para nós! Agradeço aos amigos que também estavam em tratamento nesse período e alguns que ainda continuam. A nossa união foi de extrema importância, pois juntando nossas forças conseguimos encontrar a coragem para lutar e hoje podemos afirmar com toda certeza: Somos todos vitoriosos! VENCEDORES!

Deixe seu comentário

Grupo Oncologia D'Or

Acreditar
CEHON
Central Clinic
Fujiday
Instituto de Oncologia do Vale
NeoH
Onco Brasília
Oncologia D'or

Desenvolvido por Casa da Criação